A fase de transição alimentar (da mama para a comida) é muito delicada para a saúde e nutrição do lactente, pois ocorre a substituição PARCIAL do leite materno por um alimento que não possui o mesmo valor nutricional, nem as mesmas características. É o momento onde o bebê ficará mais exposto a contaminantes ambientais e apresentará mudanças comportamentais e de desenvolvimento aceleradas.

Reflexo de protusão na alimentação complementar

A alimentação complementar (AC) deve ser iniciada entre o 4º e o 6º mês de vida da criança ou quando o bebê apresentar sinais e características de que já está apto para a alimentação, isto é: o bebê consegue sentar e ficar ereto sozinho, houve a diminuição do reflexo de protusão, já consegue sustentar a cabeça sozinho, apresenta interesse por outros alimentos, dentre outros fatores. Estes sinais devem ser avaliados por um(a) médico(a) pediatra!

A introdução de novos alimentos deve ser feita de forma lenta e gradual, ofertando à criança UM ALIMENTO DE CADA VEZ, sem forçá-la a consumir toda a porção! Recomenda-se que um mesmo alimento (p. ex.: banana) seja oferecido de 8 a 10 vezes em cada refeição durante 3 dias, para ter a certeza da recusa ou aceitação da criança. Portanto, nada de oferecer uma frutinha apenas uma vez e concluir que a criança não gosta só porque ela colocou para fora (reflexo de protusão).

Outra recomendação é iniciar com UM alimento de cada vez, num intervalo de 3 a 4 dias até a introdução do PRÓXIMO alimento. Se o bebê recusar o alimento após várias ofertas, esperar em torno de 1 semana para ofertá-lo novamente.

Os alimentos devem ser de fácil mastigação, deglutição e digestão. As frutas podem ser ofertadas raspadas ou amassadas com a ajuda de um garfo e as refeições principais (chamadas de PAPAS) podem ser ofertadas amassadas. NUNCA deve-se bater a papa no liquidificador, pois destruirá todas as fibras presentes no alimento e facilitará muito o processo de mastigação, fazendo com que seu bebê possa não desenvolver corretamente os músculos envolvidos na mastigação e poderá retardar o aparecimento dos primeiros dentinhos!

Próximos posts: variação, horário e frequência, cuidados higiênicos, administração dos alimentos, materiais e utensílios.